Quem quer vender bem no e-commerce, deve saber: é preciso garantir um bom posicionamento para a sua marca. Isso vale tanto quando falamos de buscadores, como o Google, quanto quando falamos de marketplaces, como o Mercado Livre. Para ter uma boa visibilidade na plataforma é necessário conhecer quais são os fatores que influenciam no seu ranqueamento no site, e trabalhar para que eles sempre trabalhem a seu favor. Nesse post separamos alguns deles para ajudá-lo a definir a sua estratégia. Acompanhe:

1. Entenda mais sobre os tipos de anúncios disponíveis

A classificação do seu anúncio é um dos fatores que influenciam no ranqueamento dos seus produtos. O Mercado Livre oferece três modalidades, saiba mais sobre elas:

  • Grátis: anúncio com baixa visibilidade nas buscas e nenhum custo para o vendedor.
  • Clássico: anúncio com boa visibilidade nas buscas. O vendedor não tem um custo inicial para anunciar, mas paga 10% sobre o valor de cada venda. A cada camiseta vendida por R$ 50,00, por exemplo, o valor do anúncio acaba sendo R$ 5,00.
  • Premium: anúncio com alta visibilidade nas buscas.  O vendedor não paga para anunciar, mas paga 16% sobre o valor de cada venda. A taxa das camisetas, do nosso exemplo, sobe para R$ 8,00.

Para saber se vale a pena optar pelos anúncios Clássico ou Premium, faça as contas: se você colocar os 10% ou 16% sobre o valor original do produto, ainda valerá a pena para o consumidor? É importante lembrar que mesmo que o seu anúncio esteja no topo da página, o seu produto só vai vender bem se apresentar preços competitivos.

2. Mantenha uma boa reputação entre os consumidores

O MercadoLivre prioriza os seus melhores vendedores. Isso significa que quanto melhor for a sua reputação no site, melhor será o posicionamento dos seus anúncios. A reputação do vendedor é calculada com base em fatores como: qualificações recebidas, número de vendas concretizadas e frequência de vendas realizadas no site.

3. Escolha bem o tipo de entrega

Produtos com frete grátis e enviados pelo MercadoEnvios têm maior visibilidade no MercadoLivre. Além disso, usar este serviço do site faz com que a sua reputação melhore: quanto mais vendas você concretiza pelo MercadoEnvios, mais a sua reputação avança no termômetro.

4. Controle o seu estoque

Se você optar pelas categorias Clássico ou Premium, é importante saber que o seu anúncio pausa automaticamente quando todos os produtos cadastrados em estoque são vendidos. Ou seja, se o seu estoque se esgota não só ele não fica bem posicionado, como não aparece nas buscas feitas por clientes em potencial. Por um lado, essa é uma boa estratégia, porque evita que consumidores se interessem por produtos indisponíveis e que a sua loja perca relevância. Mas, para não perder vendas por causa de anúncios inativos, é preciso ficar de olho no seu estoque e atualizar as informações sempre que necessário.

5. Faça anúncios de qualidade

Mais um fator que influencia no ranqueamento dos seus anúncios é o número de vendas – quanto mais um produto é vendido, mais visibilidade ele tem na plataforma. Para concretizar mais negócios é preciso atrair o máximo de atenção do seu público-alvo, e para que isso seja possível, você deve caprichar nos anúncios criados: faça títulos com informações resumidas sobre o produto, escolha imagens com boa resolução, faça boas descrições e classifique seus anúncios corretamente. Dessa maneira, é mais provável que consumidores interessados encontrem as suas mercadorias.

Você já conseguiu melhorar o posicionamento dos seus anúncios no Mercado Livre? Compartilhe suas experiências nos comentários! Aprenda também a fazer a integração com Mercado Livre