Por que uma loja virtual deve começar pelo plano de negócio e não pela escolha de uma plataforma? Vamos refletir sobre o assunto:

Você tem uma ideia para montar uma loja virtual. Vai lá, pesquisa um pouco sobre o mercado no google e “boom”! Já sabe o que vai vender online. E agora qual a próximo passo? Mesmo que você resista a tentação, irá se deparar com uma variedade de grupos e fóruns sobre e-commerce debatendo sobre qual plataforma usar.

E será nesse momento que você, com certeza, descobrirá uma espécie de mantra dos empresários, aspirantes ou qualquer pessoa que deseja montar um site e vender pela internet: “estou começando uma loja virtual, qual plataforma devo usar? Indicações”.

Pronto, assim começa a estruturação de uma loja virtual. Mas será que você está fazendo isso certo? É realmente o primeiro passo para construir uma loja virtual de sucesso? Plataforma, plataforma, plataforma. A plataforma de e-commerce é simplesmente o marco zero de um negócio na internet?

Vamos responder essa e outras dúvidas com esse post.

 

Plano de Negócio Para e-commerce: o verdadeiro começo

Qualquer empreendedor deve saber inclusive você, que o plano de negócio é essencial para o sucesso de uma empresa. O planejamento, alinhamento de estratégias e tudo o mais é colocado no papel e executado de forma minuciosa, menos no Brasil!

Parece que por aqui, temos aquela sensação: “vamos que vamos e tudo vai dar certo”. Só que não!

O número de lojas virtuais que encerram suas operações com menos de um ano no ar, chega a cerca de 60%. Um dos motivos é a falta de planejamento. E nesse momento que você deve atentar-se ao plano do seu negócio ou Business Plan.

E o inicio de qualquer loja virtual deve ser focado em criar um plano de negócios completo. É o seu sonho e ele precisa ser detalhadamente planejado. Com um Business Plan executado e gerenciado com cuidado sua loja virtual terá um caminho mais seguro a percorrer.

 

O Que é um Plano de Negócio para e-commerce

Plano de negócio é um documento em que você descreve todos os objetivos e define as estratégias para alcançar, com sucesso, as metas traçadas. Desta forma, você minimiza os erros e as dúvidas em relação ao negócio.

plano de negócio para e-commerce é basicamente o documento que irá mapear todas as vertentes do ramo que você escolher, além de diagnosticar pontos fortes do mercado de atuação, concorrentes, possíveis fornecedores e muito mais.

É o plano de negócio que dará a você a visão ampla do que enfrentar, e como enfrentar, os desafios para ter uma loja virtual de sucesso. Assim, você primeiro coloca no papel suas ideias, objetivos e estratégias, o que lhe permite errar menos quando estiver no mercado.

 

É fácil montar um plano de negócio para e-commerce?

Não! Montar um plano de negócio para e-commerce requer dedicação, muita pesquisa e persistência. Esse documento será o responsável por responder suas principais dúvidas quanto ao ramo de atuação e a viabilidade do seu negócio.

Um plano de negócio exigirá de você muitas horas de trabalho árduo, criatividade e estudo. Estude muito, pois, ao fim do processo você enxergará os caminhos a seguir com muito mais clareza.

Dica da Plugg: elabore o plano de negócio para o seu e-commerce pessoalmente, ou esteja envolvido no processo o máximo de tempo que puder. Lembre-se: é o plano do seu negócio!

 

 

7 Benefícios de um Plano de Negócio para E-commerce

1 – Assertividade 

Muitas lojas virtuais não obtém o sucesso esperado, pelos donos, por não planejar corretamente o nicho de atuação. Com um plano de negócio você poderá pesquisar o mercado e encontrar o melhor nicho para seu e-commmerce. Para pequenas e médias empresas, focar em um nicho é a melhor saída na batalha contra os grandes players.

2 – Escolha da mão de obra qualificada

Identificar quais serão os profissionais necessários para tocar o negócio é de extrema importância. E é no plano de negócio que você fará a identificação dos setores e quais profissionais contratar para cada um deles. É nesse momento que listamos o perfil do profissional, as características e especialidades para formação de equipe.

3 – Identificar a Plataforma de e-commerce mais adequada

Ao contrário de que muitos imaginam uma loja virtual não começa pela escolha da plataforma. As opções de plataformas no mercado devem ser preenchidas no plano de negócio e cruzadas com as necessidades da sua loja virtual. Desta forma, com o mapeamento realizado, a possibilidade de acerto na escolha da plataforma de e-commerce é muito maior.

4 – Conhecer os concorrentes em detalhes

Com um Business Plan é possível mapear a concorrência, saber quais os diferenciais necessários para obter sucesso no mercado e como executar as melhores estratégias de vendas. Ter essa visão de concorrência é fundamental para o sucesso do seu negócio online.

5 – Entender as necessidades contábil e fiscal 

É possível manter um documento com roteiro completo de como abrir uma empresa, quais serão as principais responsabilidades fiscais e quais legislações, taxas e impostos você terá de conhecer para manter a empresa saudável e dentro da lei.

6 – Evitar o improviso

Muito comum que os empresários improvisem em suas escolhas de marketing digital, plataforma de e-commerce e outros serviços essenciais para o sucesso de uma loja virtual. Com um plano de negócio para e-commerce é possível realizar as escolhas corretas. O plano de negócio possibilita que você tenha a ferramenta adequada para o seu tipo de projeto, o que é muito importante.

7 – Possibilidade de manutenção e gerenciamento de metas

plano de negócio para e-commerce é um documento que pode, e deve, ser alterado sempre que necessário. Adequação de metas, mudanças de diretrizes, tudo que for necessário pode ser alterado a qualquer instante conforme a evolução e novos rumos da sua loja virtual.

 

Conclusão

O seu plano de negócio para e-commerce tornará os caminhos para o sucesso da sua loja virtual mais visível. Este documento lhe dará uma visão panorâmica do negócio e do mercado. Com isso, você minimiza as possibilidades de erros, e se errar, será em um documento.

Mesmo que sua loja virtual já esteja a todo vapor, se você ainda não criou seu Business Plan, faça! Comece o quanto antes e tenha uma visão muito mais clara do seu negócio, objetivos e metas a serem alcançadas.

Lembre-se: O plano de negócio é o primeiro passo para começar uma loja virtual. A plataforma de e-commerce deve ser inserida nesse documento mapeando as melhores para a sua necessidade.

Confira aqui 6 dicas para seu e-commerce vender mais!

Conte para a Plugg se você já tem um plano de negócio ou não. Deixe sua opinião nos comentários. Boas Vendas!