Por que a loja virtual é o futuro do e-commerce?
Por que a loja virtual é o futuro do e-commerce?

Por que a loja virtual é o futuro do e-commerce?

Loja virtual: O e-commerce é um mercado múltiplo, que cada dia que passa nos surpreende pela sua evolução e desempenho na América. 

O e-commerce promete muito para os próximos anos! O mercado de varejo online deverá crescer de 17% a 25% até o final de 2020, de acordo com estudo da consultoria PwC.

2020 pode ser o ano em que o e-commerce global finalmente quebre a barreira dos 50% do total de compras no varejo, a maioria delas será feita online por lojas virtuais e aplicativos de lojas, afinal, mais de um quarto da população brasileira vai fazer compras online em 2020!

De acordo com as estatísticas, vendas no varejo de e-commerce global atingirão $4.9 trilhões em 2021, marcando a taxa de 265% de crescimento, ao subir de $1.3 trilhão (2014) a $4.9 trilhões (2021). Esses números expressam mais uma vez que o futuro do e-commerce é estável, sem indícios de queda.

Com tantos números positivos (algo que contrasta com a realidade de outros segmentos do varejo), o e-commerce dá largos passos para se tornar o futuro da atividade varejista.

Esses são números impressionantes e que demonstram novas oportunidades e espaço para negócios serem criados, se reinventarem e se consolidarem. 

Mas porque a loja virtual é o futuro do e-commerce?

Desde o surgimento das primeiras lojas virtuais – em meados dos anos 1990 -, as plataformas de e-commerce foram ganhando espaço no segmento de varejo.

 A conveniência, a praticidade e a facilidade de comprar algo sem sair de casa certamente ampliaram o apreço dos consumidores pelo e-commerce.

Quase 30 anos depois, as lojas virtuais estão sendo consideradas mais do que um canal de vendas. Decerto, elas são a solução para a sobrevivência das empresas em meio à pandemia do novo coronavírus. 

Ter uma loja virtual é uma necessidade latente para atender às necessidades de consumo de uma sociedade que passa por mudanças digitais e comportamentais.

O Brasil lidera ainda o ranking de e-commerce na América Latina, com participação nas compras de 59,1%, enquanto o segundo colocado, México, representa apenas 14,2% do montante.

Cerca de 80 milhões dos brasileiros são consumidores de lojas virtuais.

É importante ressaltar que o espaço que estará ganhando mais atenção pelos consumidores serão as lojas virtuais. É considerada um dos principais canais de venda do e-commerce.

Uma loja virtual é uma ferramenta que tem por objetivo promover negociações de compra e venda de produtos através da internet. Atuar no segmento é mais simples e bem mais barato quando comparado com o investimento que se tem ao montar uma empresa física.

Uma loja virtual é um modelo de negócio de uma única marca. Em uma loja virtual, há um controle total dos códigos, da hospedagem, das melhorias e integrações. Além disso, a personalização e a gestão são livres!

Sendo assim, criar uma loja virtual pode ser um investindo muito vantajoso, tanto para quem vende em marketplace, rede social ou loja física como para quem está começando agora.

Se você se convenceu de que este é o melhor investimento e ainda não sabe qual plataforma de loja virtual escolher para o seu negócio, a iSET pode ser uma ótima opção!

A iSET, por exemplo, é uma das únicas plataformas de e-commerce no Brasil a manter uma disponibilidade superior a 99,8% e a passar tranquilamente pelas últimas Black Fridays com 100% de disponibilidade em todos os serviços.

A iSET é um dos principais Parceiros de Tecnologia Avançada da Amazon AWS, sendo a única plataforma de e-commerce com infraestrutura 100% em nuvem.

Gostou do post? Deixe seu comentário e veja mais conteúdos deste tipo aqui!

Este artigo foi desenvolvido pela iSET: uma Plataforma de e-commerce completa para criar uma loja virtual que realmente tenha resultados, onde você encontra todos os recursos necessários para criar uma loja do zero ou vender pela internet de forma mais lucrativa.

Continue lendo o blog Plugg.to clicando aqui.

Deja una respuesta