A logística reversa, também conhecida como logística inversa ou logística pós-venda, é um sistema que permite o retorno do produto para a loja quando solicitada a troca ou devolução. Essa logística precisa ser implementada para garantir ao consumidor o direito da devolução.

Segundo uma pesquisa do Invesp, cerca de 30% das compras realizadas em lojas virtuais são devolvidas. O Código do Consumidor diz que o cliente possui o direito de devolver o produto em até sete dias após o recebimento do mesmo e caso a loja não ofereça esse serviço ela pode ser penalizada.

Como ter uma logística reversa pode influenciar as vendas?

Segundo a mesma pesquisa do Invesp, cerca de 67% dos consumidores dizem que pesquisam sobre a política de devolução antes de efetuar a compra e 62% dizem que ter um sistema de devolução é essencial para a decisão de compra.

Visto então a necessidade do consumidor de ter possibilidade de fazer a devolução caso não se satisfaça com a compra é certeza que ter essa política implementada na sua loja online faz a diferença na hora da conversão. Dentre as vantagens de possuir uma logística reversa na sua loja estão: 

  • Seu cliente se sente mais confortável em realizar a compra, uma vez que ele possui a certeza de que caso o produto não o sirva, venha com algum dano devido ao transporte ou simplesmente não o agrada ele tem a opção de devolver para a loja.
  • Você passa mais credibilidade, visto que nem todas as lojas online possuem a logística reversa, quando você oferece essa possibilidade ao consumidor ele a enxerga como uma loja que acredita no produto que vende e que possui o objetivo de satisfazer o cliente.

Como implementar a logística reversa no seu negócio?

O próprio Correios possui a opção de logística reversa, porém não é difícil encontrar essas facilidades nas transportadoras contratadas. Caso a sua loja utilize os Correios, eles possuem diversos tipos de logística reversa que podem ser interessantes para o seu cliente, como a Retirada Domiciliar ou em Agência.

Tecnologicamente falando, é necessário que você desenvolva uma forma do cliente entrar em contato com o seu time de logística interna, estes, por sua vez, efetuam emissão de um número de Pack Reverso, que é solicitado via Correios ou Transportadora e é encaminhado ao cliente para que o mesmo apresente na hora da devolução. 

Após o cliente devolver o objeto e ele chegar a você, cabe ao seu time solicitar a troca, ou a devolução do valor (frete+produto), lembre-se que o cliente deve ter sempre as melhores experiências possíveis, inclusive vale lembrar que o ideal é jamais cobrar o cliente pelo frete da logística reversa.

Emitir a NF assim que o produto retornar ao estoque não só facilita o controle do seu estoque como também permite que o cliente também tenha em mãos uma nova Nota Fiscal.

Manter um registro das trocas e devoluções é essencial, isso permite que a sua equipe possa prestar melhorias a operação, qualidade e afins, e acaba se tornando uma forma de, no futuro, reduzir o número de retornos.
A logística reversa traz benefícios para ambos os lados, uma vez que se bem feita tanto o cliente quanto o lojista sai ganhando, afinal qual outro objetivo o varejista tem se não o de deixar seus clientes satisfeitos?