You are currently viewing Diferença entre hub de integração e ERP

Já faz algumas décadas que o varejo digital vem crescendo e se transformando, sempre acompanhando a evolução tecnológica e da internet. Se levarmos em conta que o primeiro marketplace foi criado em 1995, o eBay, então já são mais de 20 anos apenas de existência desse modelo de negócio.

Com todo esse crescimento e expansão do mercado, atualmente é seguro dizer que estamos vivendo o auge do setor. No entanto, caso qualquer pessoa queira ter um negócio online e deseja fazê-lo crescer, é preciso investir em algumas ferramentas e recursos.

Quando o assunto é buscar soluções para gestão e otimização de operações online, ferramentas como, ERP e hub de integração são as soluções mais indicadas e procuradas por todos os lojistas.

 

Caso você esteja pensando em ter uma dessas ferramentas integradas ao seu empreendimento é melhor conhecê-las melhor antes de tomar qualquer decisão.

Sendo assim, no artigo de hoje vamos explicar de forma detalhada quais as funções e diferenças de ambos para assim que você consiga escolher com sabedoria qual solução pode auxiliar e agregar mais para as suas vendas.

O que é um ERP?

O Enterprise Resource Planning, que em uma tradução livre significa Planejamento de Recursos Empresariais, é um tipo de software que integra e auxilia na gestão de determinados processos da sua operação.

Ele consiste em um conjunto de módulos e ferramentas que ajudam a centralizar e automatizar recursos, processos e setores relevantes para a sua empresa, como por exemplo:

  • Financeiro
  • Logístico
  • RH
  • Contabilidade
  • Jurídico
  • E muitas outras!

Importante enfatizar no entanto que normalmente o ERP está integrado a outros sistemas usados pela empresa, ele não atua sozinho. Se for uma loja virtual por exemplo, acaba incluindo a plataforma de e-commerce, gateways e hubs de marketplaces, transportadoras, operadores logísticos, WMS, etc.

Quando falamos em um ERP com integração em marketplaces e plataformas de e-commerce podemos citar os seguintes benefícios que eles podem agregar para o negócio:

  • Gestão e controle de estoque
  • Centralização da gestão de vendas
  • Emissão de Nota Fiscal e Boletos
  • Relatórios com análise de desempenho e dados da operação
  • Auxilia na parte de despacho e logística, o picking e packing

Como você pode perceber o objetivo do ERP está mais relacionado com finalidades administrativas e que não dizem respeito exatamente a uma ajuda em estratégica para aumentar as vendas, muito diferente do próximo item.

Leia também: Como escolher um ERP para o meu negócio?

O que é um hub de integração?

Quando o assunto é criar anúncios em múltiplos marketplaces e até mesmo ter uma ferramenta que viabilize o crescimento da loja em vários canais, é recomendado o hub de integração.

Afinal de contas, esse software é responsável por integrar todas suas plataformas de vendas, centralizar sua operação e compartilhar informações como quantidade de estoque e quando um pedido é realizado.

Por reunir todos os dados e fatores cruciais da sua operação em um único painel, o controle e automatização é consideravelmente maior do que a solução que os ERPs proporcionam.

Além disso, os hubs são plataformas que levam consigo algumas funções básicas que também podem ajudar a parte administrativa, então entre alguns dos benefícios de utilizar um integrador está:

  • Gerenciamento em uma única aba das vendas
  • Integração com marketplaces
  • Cadastro, precificação e gestão de produtos
  • Relatórios em tempo real de vendas, faturamento e até estoque
  • Emissão de Danfe e NFe de forma automática e, em alguns casos, ilimitada
  • Automatização e massificação de processos antes feito manualmente
  • Aplicações que viabilizam táticas de venda

Parece bastante coisa, né? Mas todas essas possibilidades únicas você geralmente vai achar no melhor hub de integração de marketplaces.

Quer saber mais sobre essa ferramenta e, além disso, entender se atualmente vale a pena ter uma integrada ao seu negócio? Então recomendo que dê uma olhada agora no vídeo que produzimos. Temos certeza que ele vai te esclarecer vários pontos:

Diferença entre o hub de integração e ERP

Agora que já explicamos o que é um hub de integração e o ERP, vamos deixar mais claros em quais pontos eles se diferenciam como ferramenta e serviço, mesmo que de longe tenham suas semelhanças.

Como você pode ver na lista que fizemos sobre algumas das funcionalidades presentes no hub de integração, o principal e mais direto objetivo é simples: potencializar e auxiliar o lojista na escalada das vendas via e-commerce, principalmente utilizando os marketplaces como vitrine; confira alguns exemplos:

  • Mercado Livre
  • Amazon
  • Shopee
  • Magazine Luiza
  • Americanas

Ao utilizar essa ferramenta nos canais de venda, além de reduzir consideravelmente os custos da operação, vai ganhar também uma maior reputação e maleabilidade para trabalhar algumas condições especiais. Alguns integradores possuem aplicações que permitem a criação de kits de produtos.

Quanto mais completo o hub de integração, mais chances você terá de fazer o seu negócio crescer.

Inclusive, caso queira saber mais sobre essa prática e os benefícios dela para a sua loja virtual, recomendamos que baixe imediatamente o conteúdo gratuito abaixo:

Qual escolher: Hub de integração ou ERP?

o ERP é um serviço mais geral e focado na gestão em si do que nas vendas, e para realizar algumas ações que já estão inclusas no pacote do hub de integração como por exemplo controle e automatização de estoque, unificação dos dados de venda e emissão de notas fiscais, precisa configurações específicas para cada marketplace.

No entanto, existem algumas ações que os ERPs podem viabilizar fazer a ponte para o hub de integração, principalmente o que diz respeito a parte mais logística. Logo, eles são mais indicados para quem deseja antes de qualquer coisa organizar o negócio, ter um controle financeiro e administrativo maior.

Já o hub de integração é para aqueles lojistas que estão sentindo que o negócio está travado, estagnado e precisa de uma solução para otimizar o tempo e impulsionar as vendas. Com a possibilidade de anunciar em vários marketplaces ao mesmo tempo, isso eleva o potencial lucrativo do seu negócio.

Logo, essa escalada na operação que, em tese, deveria trazer mais custos e a necessidade de mais mãos trabalhando, será substituída pela plataforma que fica responsável por envolver todos seus canais de venda.

Agora cabe então ao lojista escolher exatamente o que ele precisa e qual faz de fato mais sentido para a atual fase do negócio dele, porém é impossível negar que a longo prazo os integradores podem se tornar mais úteis tanto pela necessidade de crescimento quanto pelas funcionalidades.

Mas fato é que ambas as ferramentas tem como objetivo geral facilitar e viabilizar a jornada das vendas pela internet dos lojistas.

Está à procura de um hub de integração? Então acabou de achar

Como falamos anteriormente, o hub de integração se destaca principalmente por causa das suas funcionalidades e integração com marketplaces. E hoje vamos te apresentar aquele que é líder nesses dois assuntos, o da Plugg.To.

Isso porque ele possui integração com mais de 70 marketplaces e lança diversas aplicações novas a cada mês, sem contar as já solidificadas e que os clientes usam desde sempre como:

  • Faturador de Notas Fiscais
  • Painel que centraliza e sincroniza a informações dos estoques com os canais de venda
  • Ferramenta de criação de kit de produtos
  • Analytics de vendas
  • Ferramentas exclusivas com o Mercado Livre
  • Integração com diversas transportadoras
  • E muito mais!

E aí, está esperando o que para fechar uma parceria com a ferramenta que pode mudar o futuro do seu negócio para sempre?

Entre em contato agora com os nossos consultores e descubra como podemos tornar a sua operação mais lucrativa e melhorada.