Com tanta informação sobre e-commerce rolando por ai, fica um pouco difícil entender tudo e muitas vezes você, já lojista, ou quem quer começar a vender, acaba ficando desmotivado ou desistindo dos seus sonhos. Como nosso objetivo é facilitar a sua vida nesse vasto universo, começamos uma série nova de postagens para desmistificar os conceitos e ferramentas das vendas online!

Hoje falaremos sobre as plataformas! São diversas opções e com diversas funcionalidades, mas vamos começar pelo começo e clarear as suas principais dúvidas sobre o assunto

O que são plataformas de e-commerce?

Explicando de forma resumida, é um sistema para venda de produtos pela internet, nesse sistema você irá cadastrar todos seus produtos para que seus clientes possam compra-los.

Uma plataforma também oferece um administrador para você realizar a gestão dos seus pedidos, criar promoções, banners,  e outras centenas de funcionalidades.

Antes de escolher uma plataforma vem o planejamento:

Independente de você criar uma loja 100% ou apenas um braço da sua loja física, você está nesse mundo para lucrar, oferecer bons produtos e ter um serviço de excelência para a sua clientela. Caso você ainda não tenha uma loja e está se planejamento, saiba que isso é um grande diferencial da concorrência!

Mas como toda grande escolha, é preciso ter cautela e planejamento, principalmente quando se trata de nosso dinheiro. Você certamente não quer errar antes de começar, não é?

Nesse momento não existe receita pronta: Avalie os seus produtos, o preço deles, a quantidade do seu estoque, o valor que você tem para investir…
Dependendo das respostas, algumas plataformas podem ajudar mais que as outras!

Como nenhuma loja é igual, não existe uma plataforma ideal para todas. Por isso, a ideal para a sua loja será aquela que cumprirá todas as suas necessidades, dentro do seu orçamento e que você se sinta seguro.

Agora muito importante, não esqueça que a maior parte do seu orçamento deverá ser destinada ao Marketing da sua loja, então não adianta investir todo seu dinheiro na plataforma, com um página maravilhosa, por que sem marketing, nenhuma pessoa irá saber que sua loja sequer existe !

Plataformas OpenSource? Plataforma de Código Fechado?

Dentre as plataformas de e-commerce existe uma grande divisão, as plataformas de código aberto (OpenSource) e as de Código Fechado.

As Plataformas de Código Aberto são aquelas que possuem um modelo de desenvolvimento que oferecem um licenciamento livre. O código é distribuído gratuitamente para download e você até consegue utilizar “sem pagar nada”.

Principais Vantagens das plataformas de código aberto:

– Muitas das funcionalidades que irá necessitar você já encontrará pronta, dentro do própria plataforma ou desenvolvido por algum desenvolvedor da comunidade.

– São extremamente customizáveis.

– Se você souber programar consegue utilizar quase sem custo (“ainda tem que pagar a hospedagem”), se não for programador, esqueça, você terá que contratar um programador e se achar um “barato”, lembre-se que o barato sempre pode sair muito caro depois.

Principais Desvantagens das plataformas de código aberto:

– Você irá necessitar de um programador, é fato, então se você não souber programar ou não tenha um amigo que tenha 100% de confiança que não irá te deixar na mão, você irá sempre ter que buscar programadores no mercado, o que nem é barato além de  ser sempre um desafio achar alguém confiável.

– O tempo para sua loja ir para o ar normalmente é mais demorado se comparado a plataformas de código fechado

As Plataformas de Código Fechado – que também são conhecidas como plataformas proprietárias, sendo normalmente hospedada pelo próprio desenvolvedor da plataforma sem que você tenha qualquer acesso ao código.

Principais Vantagens das plataformas de código fechado:

– Você não precisa se preocupar com infraestrutura e/ou se sua loja está no ar ou não, seu foco fica 100% voltado para comprar bem, fazer promoções e realizar as entregas corretamente.

– O tempo para sua loja ir para o Ar normalmente é menor, isso por que não existe necessidade de “instalação”, a loja “nasce” quase pronta, faltando apenas alguns ajustes de layout.

Principais Desvantagens das plataformas de código fechado:

– Caso necessite de alguma funcionalidade específica, irá depender que exclusivamente a empresa dona da plataforma desenvolva essa funcionalidade, o que pode demorar tempo e sair caro.

– Você só poderá contar com o suporte da empresa dona da plataforma para qualquer problema que poderá surgir, então deve garantir que está contratando uma empresa de ponta, que irá cuidar bem da sua loja para que nunca saia do ar e não lhe traga problemas.

Plataformas de código aberto comercializadas como se fossem de código fechado

Uma terceira via é utilizar agências que utilizam plataformas OpenSource e comercializam como se fossem de código fechado, nesse caso existe a vantagem de estar utilizando uma plataforma completa, recheada de recursos ao mesmo tempo sem ter que se preocupar com questões de infraestrutura.

Qual a melhor plataforma?

Como falamos antes, existe uma resposta certa para essa pergunta! A melhor plataforma será aquela que for ideal para as suas necessidades.

Veja a seguir as principais plataformas do mercado de código aberto:

Grandes/Médias Lojas

Magento
OpenCart
PrestaShop

Pequenas Lojas

WooCommerce

Veja a seguir as principais plataformas do mercado de código fechado:

Grandes lojas:

  • Hybris
  • Oracle
  • Vtex
  • Ciashop
  • LinuxCommerce
  • TrayCorp
  • Fbits

Médias lojas:

  • Shopify
  • NuvemShop
  • Xtech
  • Shoppub
  • DoocaCommerce
  • Tray
  • F1Soluções
  • Big Bang Plataforma

Pequenas lojas:

  • Loja Integrada
  • Encomendador
  • MercadoShops
  • Wbuy

Agências que oferecem plataformas OpenSource em formato gerenciado:

  • BizCommerce
  • Bis2Bis
  • Jn2
  • DmCommerce
  • Signativa
  • N49

 Boa vendas!

Aproveite para dar uma olhada no nosso E-book, que ensina tudo que você precisa saber sobre vender nos Marketplaces!