You are currently viewing Tudo sobre a Dafiti [Guia Atualizado 2022]

A Dafiti foi criada em janeiro de 2011 por quatros sócios: o brasileiro Philipp Povel o francês Thibaud Lecuyer e dois alemães, Malte Huffmann e Malte Horeyseck. 

Após contar com o investimento de mais de 50 milhões de reais pela Rocket Internet, uma incubadora de startups europeias também alemã, pouco tempo após seu lançamento oficial ela já estava se destacando no setor.

O que marcou a chegada da empresa no cenário brasileiro foi o fato dela ter se tornado pioneira na comercialização de calçados pela internet no país. Em pouco tempo ela já se consolidou como uma referência no varejo online, principalmente nas categorias de Moda e Vestuário. 

A facilidade na aquisição de tênis e sapatos acabou impactando diretamente em alguns hábitos de consumo da população, que agora poderiam comprar roupas diretamente do conforto de suas casas. Mais da metade dos consumidores na época que ele surgiu compraram pela internet pela primeira vez na Dafiti.

No mesmo ano da sua criação, a Dafiti acabou faturando o prêmio importantíssimo de selo Diamante da Ebit, que é destinado para avaliação de confiabilidade dos sites de e-commerce através de pesquisa com os clientes. Esse selo indica que a loja está oferecendo um trabalho de excelência na opinião dos seus próprios consumidores.

Expansão da Dafiti

Um ano após sua fundação, foram abertas filiais no Chile e Argentina. No início de 2012 foi a vez da Colômbia e nesse mesmo período a Dafiti alcançou a marca expressiva de 1 milhão de seguidores no facebook e foi eleita pelo instituto Data Popular como o e-commerce mais influente da rede social. 

Em 2015 a Global Fashion Group,grupo que gerencia a Dafiti, adquiriu as operações da Kanui, uma das maiores redes de artigos esportivos brasileira, e da Tricae, e-commerce especializado na venda de produtos infanto-juvenis, para ter o catálogo de produtos mais completo do segmento de moda no país, que deu origem ao Dafiti Group. 

Apenas em 2014, as três empresas combinadas tiveram uma receita líquida de R$ 773 milhões. Na época, o Dafiti Group totalizou quase 5 milhões de clientes apenas na América Latina, fazendo dele o maior grupo de e-commerces de moda e lifestyle do continente.

Ainda no final de 2015 a Dafiti anunciou a abertura de marketplace para marcas e lojistas voltadas para a categoria de moda e lifestyle, com o objetivo de aumentar ainda mais o portfólio de novos produtos e compartilhar sua plataforma e visibilidade com pequenos e médios empreendedores. 

Quer saber mais sobre esses canais de venda e como eles se tornaram o epicentro de todas as vendas e fluxo de cliente no varejo digital? Então confira agora essa vídeo aula curtinha e dinâmica:

Como vender nesse marketplace

Agora que você já conheceu melhor toda a trajetória e o peso que esse canal tem para o cenário nacional e continental, confira o que é preciso fazer para começar a vender nele:

  • CNPJ 
  • Contrato Social ou Estatuto Social atualizado 
  • Declaração do regime de tributação adotado ou Inscrição Estadual Comprovante da SINTEGRA (Sistema Integrado de Informações sobre Operações Interestaduais)
  • Termo de adesão ao contrato de comercialização de produtos 
  • Um documento bancário que contenha os seguintes documentos: CNPJ, Razão Social e dados para pagamento

Assim que você tiver todos esses documentos em mãos, basta acessar a página de marketplace da Dafiti e preencher o formulário de inscrição. 

Porém, você sabe quais são a  para de fato vender dele? Confira agora:

  • Ter pelo menos 1 item no estoque; 
  • Descrição mais detalhada possível, permite HTML; 
  • Cor e Tamanho obrigatórios para todas as categorias; Dimensão do produto obrigatória e mais precisa o possível; 
  • Pelo menos 2 imagens, com mínimo de 1000×1000 e máximo de 1104×1600 (Tamanho máximo de 2MB – JPG); 
  • Proibido o uso de Marcas D’água; 
  • Obrigatório SKU; 
  • Título com no máximo 60 caracteres; 
  • Preço não pode ser menor que R$1,20 (com desconto); 
  • Aconselhável EAN;
  • Emitir Nota Fiscal

Inclusive, indicamos que você baixe aqui em baixo o nosso ebook 100% gratuito sobre como emitir nota fiscal para marketplaces.

O que vender você na Dafiti e quanto custa

Estamos falando de um dos marketplaces do Nicho de moda mais abrangente do mercado, logo ele trabalha com vários segmentos dentro da própria categoria e até fora dela; confira:

  • Roupas
  • Acessórios (bolsas, relógios, carteiras, bonés e óculos)
  • Calçados (tênis, bota, chinelo, sapatênis)
  • Decoração (casa, cozinha, mesa e banho)

Porém, importante enfatizar que existe a Tricae também que compõe o grupo Dafiti e é especializado em produtos para crianças:

  • Brinquedos
  • Roupas e calçados infantis
  • Móveis, enxoval e itens de maternidade
  • Material Escolar

Por último, temos a Kanui que como falamos anteriormente foca em um outro tipo de público e estilo de produto: 

  • Artigos esportivos
  • Roupas e calçados
  • Acessório (bonés, mochilas, óculos, luvas e nécessaires)
  • Suplementos

Vantagens de vender na Dafiti

  • Quantidade de clientes

Com mais de 10 milhões de visitantes mensais, calcula-se que aproximadamente 30% dos brasileiros acessam esse marketplace, o que faz dele um dos acessados e potencialmente lucrativos para o seu negócio.

  • Customização da loja

Quer que sua marca seja reconhecida dentro do marketplace? Então esse é o canal feito para você, pois ele permite um alto grau de personalização.

  • Serviço logístico 

Precisa de ajuda para enviar os produtos? Sem problemas, pois esse marketplace já conta com o seu próprio programa logístico, o Dafiti Envios, que em  parceria com os correios se responsabiliza pela entrega do seu pedido para todo o Brasil.

Conclusão

E aí, quer vender no maior marketplace de moda e vestuário da América Latina? Então fale imediatamente com os nossos consultores para entender melhor como você pode utilizar esse canal como a vitrine virtual dos seus produtos.