You are currently viewing Como funciona a Integração com o Marketplace Mercado Livre?

Fundado em 1999, na Argentina, pelo CEO Marcos Galperin, o Mercado Livre surgiu com o objetivo de realizar a difusão do comércio eletrônico.

Esse marketplace está presente em 18 países, contando com mais de 10 milhões de sellers, sendo o maior, e mais completo da América Latina, e a quinta plataforma de comércio mais acessada do Brasil, totalizando em 52 milhões de visitantes mensais.

Para vender nesta plataforma consumidor é o que não falta! Atualmente há mais de 34 milhões deles ativos, e a cada segundo 9 vendas são concretizadas.

ilustracao compras mercado livre

Você também pode fazer seus negócios crescerem no marketplace Mercado Livre, combinando esse super canal de vendas com um hub de integração.

Com esta ferramenta você consegue centralizar informações importantes como pedidos aprovados e ainda é capaz de realizar a gestão do seu negócio de forma automatizada, aproveitando 100% do potencial da plataforma.

Mas como funciona um HUB de integração?

Imagine uma ponte. Ela irá conectar um local ao outro, permitindo que circule de uma ponta a outra, de uma maneira fácil.

O hub de integração tem uma dinâmica semelhante a de uma ponte, ele integra os vários canais de venda do seu negócios em um só painel, permitindo que você receba e envie informações do seu catálogo de produtos em um único lugar.

O hub de integração facilita todas as etapas das vendas em marketplace.

Seja qual for o seu modelo de negócio, otimizar o tempo sempre cai bem, vender no mercado livre utilizando um hub de integração tem muitos benefícios como:

Envios de anúncios em massa

Se cadastrar e enviar os anúncios é uma tarefa que levaria horas e resultaria em várias guias abertas no seu navegador, o hub de integração elimina o retrabalho e simplifica a maneira de criar novas ofertas no Mercado Livre.

Controle de estoque

Quem vende no Mercado Livre sabe que a reputação faz parte de um dos requisitos para a boa visibilidade de um anúncio, falhas como furo de estoque podem prejudicar o lojista nesta etapa.

Vender no marketplace de forma integrada previne falhas como essas, uma vez que o estoque dos seus produtos serão sempre sincronizados em tempo real.

Fiquei interessado, como escolher um Hub de integração para vender no Mercado Livre?

Além de facilitar o dia a dia do empreendedor, o hub de integração faz parte da jornada de lojistas que buscam a alta performance.

A Plugg.To por exemplo, é um hub de integração que possibilita que lojistas que anunciam seus produtos no MeLi aproveitem todas as oportunidades, como:

Criação de anúncios simultâneos

ilustracao-homem-mexendo-dashboard

Aproveite os vários tipos de anúncio no Mercado Livre para expôr os seus produtos, sem perder o controle de estoque.

Gerencie o seu SAC através de um único local

O atendimento ao cliente faz toda a diferença na performance e reputação da sua conta, responda todos seus clientes em um único lugar e gerencie através de tags para classificar a prioridade.

imagem-tela-dashboard-pluggto-sac-mercado-livre

Precifique seus produtos de acordo com as características do Mercado Livre

O Mercado Livre possui um verdadeiro ecossistema dentro do seu marketplace, com vários tipos de anúncio, taxas para produtos abaixo de R$ 79,00 e outras particularidades que demandam uma atenção especial na hora de precificar.

ilustracao-precificacao-de-produtos-mercado-livre

A Plugg.To possui uma série de ferramentas para otimizar a forma como você precifica os seus anúncios, tornando possível inclusive a automatização dessa tarefa.

Como funciona a integração com o Mercado Livre, na Plugg.To?

Quer saber como funciona a integração do Mercado Livre, com o hub de integração na prática?

Veja como funciona:

Com os dados da sua conta no Mercado Livre cadastrados no painel da Plugg.to, você terá duas opções:

Em ambos os casos você precisa ter um cadastro prévio no Mercado Livre e autenticar o Token na sua conta Plugg.To, porém nessa etapa você terá todo apoio de um suporte técnico.

Conclusão final

Com o crescimento acelerado do e-commerce, os lojistas tiveram que se adaptar rapidamente para iniciar as vendas nos marketplaces e em alguns casos administrar múltiplos canais de venda.

O Mercado Livre já é um velho conhecido do consumidor, e dentro da sua plataforma criou inúmeros programas para os vendedores dentro do marketplace conquistarem uma alta performance.

Gerenciar tudo sozinho pode levar o seller ao caminho oposto do sucesso, por isso ferramentas como a Plugg.To criam funcionalidades específicas para o Mercado Livre, tornando possível e saudável a conquista de um bom desempenho nesse marketplace.